Pelo terceiro ano consecutivo, em 2016 cresceu a arrecadação das sociedades membros da CISAC

O setor audiovisual registrou crescimento de 1% em relação ao ano anterior.

Foi publicado, no mês de novembro, o relatório anual com os dados de arrecadação das sociedades que compõem a Confederação Internacional das Sociedades de Autores e Compositores (CISAC) — da qual a DBCA é signatária — referentes ao ano de 2016. Essa é formada por 239 associações globais de gestão coletiva de direitos autorais, de 123 países, em diversas áreas artísticas e arrecadou € 9,2 bilhões.

De acordo com o relatório, o setor de maior arrecadação continua sendo o musical, que representa 87% do total. Esse também foi o que registrou maior crescimento no período, tendo aumentado 6,8%, seguido pela literatura, com 5,3%. Acredita-se que esses números estão relacionados à crescente adesão do público mundial por serviços de streaming pagos. Apesar disso, o meio digital corresponde apenas a 10,4% do valor arrecadado relativo à música. O lado positivo é que ainda há muito o que crescer nos próximos anos, o que colabora para a expectativa de os números seguirem em ascensão.

A Europa desponta como o local que maior quantidade de arrecadações promoveu em 2016, mas não registrou crescimento expressivo em seus números. Já Estados Unidos e Canadá tiveram um aumento de 12,5%, ao passo que a América Latina registrou a menor evolução entre os locais avaliados, com crescimento de 1,3% e arrecadação de € 557 milhões.

Em relação aos direitos audiovisuais, o setor arrecadou, em 2016, € 578 milhões e registrou um crescimento de 1% em relação ao ano anterior. A França é o país que realizou a maior arrecadação — € 224 milhões —, seguida por Suíça, Itália, Argentina e Espanha. A DBCA continua envidando esforços para que o Brasil saia do limbo em que se encontra, tendo em vista que, na região da América Latina, houve uma queda de 10% na arrecadação de repertório audiovisual.

Coleções de royalties digitais obtiveram um crescimento expressivo em todas as regiões do mundo e aumentaram 51,4%. Apesar da rápida expansão nos últimos anos, o digital ainda representa apenas 10,4% da arrecadação, onde predominam a TV e o rádio. Somados, os dois recolhem 42,8%.

No relatório o cineasta argentino, Marcelo Piñeyro, vice-presidente da CISAC, registrou a injustiça que há no setor em relação ao não reconhecimento, em vários países, aos direitos dos roteiristas e diretores do audiovisual. Ele reforça a luta empreendida pela CISAC e pela Writers & Directors Worldwide em campanha por eles empreendida em favor do direito inalienável e irrenunciável para roteiristas e diretores.

Marcelo Piñeyro, vice-presidente da CISAC . Foto: Juan Carlos Casas

Piñeyro destaca que “os roteiristas e diretores são indispensáveis para o sucesso das obras audiovisuais e da indústria cinematográfica de um país. Seu trabalho gera emprego, crescimento econômico e prestígio a nível internacional. Eles devem desfrutar de proteção adequada e remuneração justa se quisermos que o setor audiovisual continue prosperando no futuro”.

Clique aqui e leia o relatório na íntegra.

 

Com o firme apoio de

LATINOAMÉRICA

Aliança de Diretores Audiovisuais Latinoamericanos

Sociedades que avalizam com acordos recíprocos os Diretores Brasileiros de Cinema e do Audiovisual

CHILE

Sociedade de Autores Nacionais de Teatro, Cinema e Audiovisuais

ARGENTINA

Associação Geral de Diretores Autores Cinematográficos e Audiovisuais

COLÔMBIA

Diretores Audiovisuais Sociedade Colombiana

MÉXICO

Sociedade Mexicana de Diretores-Realizadores de Obras Audiovisuais,

IMPORTANTE APOIO DAS SOCIEDADES LATINO-AMERICANAS E EUROPEIAS

DAMA (logo) Derechos de Autor de Medios Audiovisuales Ver carta de apoio

SACD (logo) Société des Auteurs et Compositeurs Dramatiques Ver carta de apoio

Directors UK (logo) Directors UK
Ver carta de apoio

ADAL (logo) Alianza de Directores Audiovisuales Latinoamericanos Ver carta de apoio

DAC (logo) Directores Argentinos Cinematográficos Ver carta de apoio

Writers and Directors (logo) Writers & Directors Worldwide
Ver carta de apoio

ATN (logo) Sociedad de Autores Nacionales de Teatro, Cine y Audiovisuales Ver carta de apoio

Directores México (logo) Directores México
Ver carta de apoio

SGAE (logo) Sociedad General de Autores y Editores
Ver carta de apoio

SIAE (logo) Società Italiana degli Autori ed Editori
Ver carta de apoio